domingo, 21 de junho de 2009

Lula é um poeta

Lula parece dar infelizes declarações, sobretudo quando os assuntos são mais infelizes ainda.

Não estou questionando sua capacidade de governar, mas assim como Pelé - perdoe a comparação - Lula é um poeta de boca fechada. É claro que o presidente tem tiradas mais engraçadas. E é óbvio que O Rei da bola, nos campos, jamais poderá ser questionado, diferente do Lula, em Brasília.

sarney foi jogado no paredão devido a conivência com as mazelas do Senado -do qual é presidente pela 3ª vez. Para Lula, é um absurdo essa condenação, pois um homem com a história de Sarney merece ser respeitado.

Mas é justamente por toda a sua história que o ex-presidente da República, José Sarney, deve ser mais cobrado ainda. Um político que ocupou o posto mais alto do país deveria ter experiência - e caráter - suficientes para, no mínimo, impedir o desvio de conduta dos demais senadores.

(Continua...)

2 comentários:

  1. Além dessa maldita passagem de mão na cabeça da velha raposa do Maranhão(mas que "representa" o Amapá),que nem nos devia surpreender devido a seu histórico com Renan e Severino, Lula "declamou" mais belos "versos" sobre política internacional. Numa fala lastimável e vergonhosa para os brasileiros, o presidente (des)qualificou a Resistência da oposição iraniana às fraudes do governo fascista-islamita, e o consequente massacre dos manifestantes,de "briga de torcedores"...

    ResponderExcluir
  2. Realmente. A segunda parte sobre Lula era justamente sobre essa caso, mas só vi o comentário agora, depois de postar.

    Além disso, há o apoio ao egipcio anti-semita para a UNESCO, em detrimento de dois brasileiros.

    ResponderExcluir