quarta-feira, 15 de julho de 2009

A hora da virada

Será que era preciso o Vasco cair para a segunda divisão para que houvesse uma reestruturação geral do clube?

É claro que não.

Provavelmente caso tivesse permanecido na série A o Clube estaria sendo gerido da mesma forma, só que com um pouco mais de dinheiro.

A assinatura do contrato com a Eletrobrás, o programa de sócios "O Vasco é Meu", assim como o trabalho sério realizado por Dorival Júnior desde o início do ano representam um divisor de águas na história do Vasco, que apesar dos títulos, ficou manchada nos últimos anos.

É claro que tood esse trabalho poderia ser realizado na primeira divisão, mas se foi preciso cair para que esse grande passo fosse realizado..um ano na segunda divisão passa a ser quase nada se comparado ao futuro do Clube.

Nenhum comentário:

Postar um comentário